Originário do inglês “To Comply”, o verbo reflete a ação ou ato de obedecer, estar em conformidade com algo e ou de acordo com uma regra, por exemplo. No âmbito corporativo, o programa de compliance representa a postura e o conjunto de ações internas e externas daquela determinada empresa – assim como de seus colaboradores e parceiros – em relação às leis e às normas dos órgãos reguladores.

A aplicação da metodologia tem como objetivo corrigir e prevenir condutas que sejam danosas ao desempenho e à reputação da instituição; efetividade em processos e procedimentos, implementações e execuções em conformidade política, jurídica, comercial e comportamental. Ética, sustentabilidade e cultura empresarial também são aspectos focais da prática.

Em suma, compliance é um padrão comportamental organizacional estratégico imprescindível para o pleno funcionamento de uma corporação.

Programa compliance em 7 passos

  • Recrute um CCO (Chief Compliance Officer) e uma boa equipe
  • Elabore manuais de conduta
  • Tenha pleno conhecimento das leis relacionadas à sua atividade econômica
  • Analise os riscos e certifique-se da segurança de suas informações
  • Realize auditorias periódicas
  • Propague a cultura do compliance em âmbito organizacional
  • Capacite a equipe e melhore os processos constantemente

7  benefícios do compliance

  • Identificação antecipada de riscos/problemas e efetiva correção
  • Eficiência e qualidade dos serviços prestados/produtos
  • Vantagem competitiva em relação à concorrência
  • Identificação antecipada de riscos/problemas e efetiva correção
  • Compliance como cultura organizacional consolidada
  • Aumento da governança e ganho de credibilidade
  • Sustentabilidade

Siga as nossas redes sociais e fique por dentro do ecossistema jurídico!